Programa Antídoto Portugal » Casos de Envenenamento
14 de Dezembro de 2017
 
 Casos de Envenenamento

Uma das primeiras acções do Programa Antídoto - Portugal foi a recompilação de dados sobre envenenamento de fauna que estavam dispersos por várias entidades. Esta recolha permitiu fazer um estudo retrospectivo sobre a situação desde 1992, período a partir do qual se conseguiu reunir maior número de dados e com uma distribuição mais homogénea por todo o território nacional.

Desde o início de 2003, ao ser criada uma rede de entidades e colaboradores que vão registando todos os casos passados e actuais, tem sido possível obter um muito maior número de dados, e principalmente muito melhor informação sobre cada um deles, o que é fundamental para o estudo que está a ser feito sobre o problema da utilização ilegal de veneno e dos efeitos que essa prática tem sobre a fauna.

Para além disso, ao passo que a divulgação do programa é cada vez maior e o número de pessoas e entidades envolvidas na recolha de informação também aumenta, tem sido possível não só registar mais e melhores informações, mas também realizar de forma mais correcta todos os procedimentos de recolha e análise dos cadáveres, o que se tem traduzido num número cada vez maior de animais em que é possível comprovar laboratorialmente o envenenamento.

Estes dados cada vez mais completos sobre os envenenamentos de fauna continuam, no entanto, a representar uma pequena parte dos casos que certamente ocorrem em Portugal, pois muitos deles nunca são detectados e denunciados. De qualquer forma, a informação que já está recolhida tem permitido a elaboração de mapas que definem quais são as zonas de maior risco e o­nde a acção contra o uso de venenos é prioritária.

Através deste sítio na Internet, o Programa Antídoto divulgará toda a informação de que vá tendo conhecimento, para que o problema do uso ilegal de venenos seja cada vez mais de conhecimento público, pois só com o envolvimento de toda a população é que será possível fazer frente ao problema.

Embora os objectivos iniciais do Programa se direccionassem para o impacte que o veneno tem sobre as espécies mais ameaçadas da fauna selvagem, também têm sido feitas actuações em casos de envenenamento de animais domésticos. Esses dados são também muito importantes e frequentemente mais fáceis de detectar do que as situações que afectam as espécies silvestres.

Assim, o Programa Antídoto - Portugal solicita informação sobre todos os casos que ocorram ou tenham ocorrido. Para tal, está disponível um documento na Internet para que todas as pessoas possam ceder os dados que possuem.

Para ceder os seus dados, por favor preencha o inquérito que está disponível:

Inquérito - versão word
Inquérito -
versão pdf

e que deverá ser enviado para antidotoportugal@gmail.com

webmaster@antidoto-portugal.org

Copyright © 2005 Programa Antídoto-Portugal