Programa Antídoto Portugal » Estratégia Nacional
14 de Dezembro de 2017
 
 Estratégia Nacional

Para fazer face ao problema do uso ilegal de venenos, é necessário reunir esforços, experiências e mecanismos de várias entidades. Para organizar todas as partes envolvidas é essencial elaborar estratégias claras, funcionais e acima de tudo dinâmicas e adaptativas para se fazer face aos problemas que surgem à medida que o trabalho é desenvolvido. Assim, em Portugal foi elaborada uma estratégia nacional contra o uso de venenos com o objectivo de organizar toda a estrutura que foi criada no âmbito do Programa Antídoto - Portugal.

Reunião com representantes do Grupo de Trabalho de Ecotoxicologia do Ministério de Meio Ambiente de Espanha, em Castelo Branco, 12 de Dezembro de 2003.


Todo o trabalho de elaboração deste documento foi realizado em estreita colaboração com entidades espanholas, que já têm largos anos de experiência na luta contra o uso ilegal de venenos. O objectivo era criar mecanismos semelhantes nos dois países, mas fortemente adaptados às realidades e aos actores locais. Por essa mesma razão, em Espanha, além da Estratégia Nacional foram elaboradas várias estratégias locais em cada Comunidade Autónoma, e um exemplo dessa política é a Estratégia Andaluza, preparada para definir as acções nessa região, que é uma das que mais e melhores resultados tem conseguido na luta contra o veneno.

webmaster@antidoto-portugal.org

Copyright © 2005 Programa Antídoto-Portugal